O médico-veterinário Helio Blume, secretário-geral do Conselho Federal de Medicina de Medicina Veterinária (CFMV), permanece como conselheiro para a América Latina na nova gestão da World Veterinary Association/Associação Veterinária Mundial (WVA), eleita para o biênio 2022-2024.

Blume assumiu assento no conselho da associação em abril de 2021, em substituição ao médico-veterinário brasileiro Cícero Pitombo. Agora, efetivamente eleito, inicia o mandato de dois anos com o novo conselho, a partir de 30 de março.

Entusiasta da saúde única e da melhoria do ensino da Medicina Veterinária, o professor Blume vai trabalhar para unir os profissionais por uma agenda internacional de fortalecimento da educação e dos serviços veterinários prestados à sociedade.

“A cada ano aumenta a quantidade de novos médicos-veterinários formados. O Brasil já representa 50% do mercado profissional do mundo e nos chama a atenção a qualidade de formação daqueles que vão atuar compromissados com a sanidade animal, a proteção da saúde humana e a sustentabilidade do planeta”, sinaliza. “Com integração, vamos trocar experiências para elevar os níveis de educação e bem-estar animal”, afirma.

Sobre a WVA

A Associação Veterinária Mundial (WVA) congrega, atualmente, mais de 500 mil médicos-veterinários, integrantes de 95 associações veterinárias em seis continentes, trabalhando como uma única voz da profissão para o mundo.

A associação apoia o trabalho de médicos-veterinários em várias áreas da medicina, ensino, pesquisa, prática e divulgação. Sua missão é garantir e promover a saúde animal, o bem-estar e a saúde pública no planeta, por meio do desenvolvimento e avanço da Medicina Veterinária, do exercício profissional e dos serviços veterinários públicos e privados.

Assessoria de Comunicação do CFMV