Com 51,14% dos votos, a chapa Chapa 2 – Trabalho e Compromisso foi a vencedora da eleição para composição da diretoria executiva e conselheiros efetivos e suplentes do triênio 2022/2025 do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado da Paraíba (CRMV-PB). O processo eleitoral aconteceu nesta terça-feira (31), de forma online, presencial e por correspondência. 

“Há muito tempo não tínhamos uma eleição tão acirrada no CRMV-PB e mais uma vez tivemos à disposição dos profissionais a forma de voto online que beneficiou quem não poderia votar de forma presencial. Também deixo aqui meus parabéns a todos, em especial, a instituição, que ela siga no seu cumprimento de não apenas fiscalizar, mas ser também um local de apoio para dúvidas e orientações como foi durante toda a minha gestão. Esses avanços são importantes no desenvolvimento e melhorias da Medicina Veterinária e Zootecnia paraibana”, declarou a atual presidente da instituição, Valéria Rocha Cavalcanti.

Representante da chapa vitoriosa, o futuro presidente do Conselho, José Cecílio compartilhou a alegria de receber a confiança dos votos nas urnas presenciais, eletrônicas e por correspondência. “A partir de hoje, nós desmanchamos os palanques e estamos todos juntos pela mesma causa, afinal, aqui somos todos colegas médicos-veterinários e zootecnistas e vamos unir forças com muita paz e sabedoria para saber conduzir essa próxima gestão do CRMV Paraíba. Agradeço o empenho de todos”, declarou Cecílio.

 

O Pleito

Ao todo, o processo eleitoral contou com 1004 votos totais. Desses, 512 foram para a Chapa 2 (Trabalho e Compromisso) vencedora com 52,14% e 489 para a Chapa 1 (Seguindo em Frente) com 48,86%.

 

Presencial

Chapa 1 – 38

Chapa 2 – 53

Por Correspondência

Chapa 1 – 1

Chapa 2 – 1

Online

Chapa 1 – 450

Chapa 2 – 458

2 Votos nulos  e 1 voto em  branco.

A transição para início das atividades da Nova Diretoria ocorre em agosto de 2022, mas a posse ocorre 30 dias antes de terminar o mandato, na plenária de julho. Após a diretoria assumir, os Conselheiros tomam posse em uma data marcada pelo plenário.